segunda-feira, 5 de março de 2012

HISTÓRIA E EVOLUÇÃO DO RELÓGIO


OBJETIVOS:

ü Estudar a história dos relógios.

ü Pesquisar os tipos de relógios existentes.

ü Aprender a ver horas no relógio de ponteiros.
  

ETAPA 1 – HÁ MUITO TEMPO ATRÁS...

LEVANTAR POSSIBILIDADES COM OS ALUNOS SOBRE COMO O TEMPO ERA MEDIDO ANTES DA INVENÇÃO DO RELÓGIO.

LER O TEXTO ABAIXO:

POR MUITOS SÉCULOS, A HUMANIDADE GUIOU-SE PELA SOMBRA DE UM OBJETO PROJETADA PELO SOL, A SOMBRA DO GNOMO, DOS RELÓGIOS DE SOL, PARA MEDIR O TEMPO. INICIALMENTE, TALVEZ NO PALEOLÍTICO OU NEOLÍTICO, A MEDIÇÃO POR PARTE DOS HOMENS PRIMITIVOS DEVIA ESTAR BASEADA NA MODIFICAÇÃO DO COMPRIMENTO DE SUA PRÓPRIA SOMBRA, QUE CRESCIA ATÉ O MEIO DIA E DECRESCIA NA MEDIDA QUE O DIA SE ESGOTAVA COM A APROXIMAÇÃO DA NOITE, QUANDO ELE DEVERIA ESTAR DE VOLTA À SEGURANÇA DE SEU ABRIGO. POSTERIORMENTE, A MEDIÇÃO DO TEMPO ORIENTOU-SE PARA O CALENDÁRIO, PARA A IDENTIFICAÇÃO DAS ESTAÇÕES DO ANO, QUE ERA INFORMAÇÃO ESSENCIAL PARA AS CIVILIZAÇÕES QUE PRATICAVAM A AGRICULTURA, EM FACE DA ESTREITA DEPENDÊNCIA DESTA DOS FATORES CLIMÁTICOS, DIRETAMENTE LIGADOS À PASSAGEM DAS ESTAÇÕES.

O MAIS ANTIGO RELÓGIO DE SOL CONHECIDO, FOI CONSTRUÍDO POR VOLTA DE 1500 AC NO EGITO, NA ÉPOCA DE TUTMOSIS III. EM PEDRA, NA FORMA DE UM T, COM UNS 30 CM, SUPORTANDO UMA OUTRA PEÇA DE MESMO COMPRIMENTO E PERPENDICULAR. AS LINHAS DE HORA ERAM MARCADAS NA PEDRA A INTERVALOS REGULARES. O T ERA VOLTADO PARA O ESTE NA PARTE DA MANHÃ E A OESTE NA TARDE. A POSIÇÃO DA SOMBRA DA PARTE SUPERIOR DO T INDICAVA A HORA.




RESPONDER ORALMENTE:

- ESSA MANEIRA DE MEDIR O TEMPO ERA EFICAZ?

- E QUANDO ESTAVA ESCURO, COMO ELES MARCAVAM AS HORAS?

- E EM DIAS NUBLADOS OU COM POUCO SOL? COMO FAZIAM?

ETAPA 2 – A EVOLUÇÃO DOS RELÓGIOS.



·       RELÓGIO DE SOL

RELÓGIO DE SOL CORRESPONDE A UM MÉTODO OU PROCEDIMENTO UTILIZADO PARA MEDIR A SUCESSÃO DAS HORAS OU DO TEMPO POR MEIO DA VISUALIZAÇÃO DO MODO COMO A LUZ SOLAR INCIDE NA TERRA EM DIFERENTES POSIÇÕES E É JUSTAMENTE ESSA VARIAÇÃO QUE FORNECE AS HORAS.
O RELÓGIO DE SOL PODE SER COMO, POR EXEMPLO, UM RELÓGIO DE JARDIM, CONSTITUÍDO POR UM MOSTRADOR QUE É CONFECCIONADO EM UMA SUPERFÍCIE PLANA NA QUAL SÃO INDICADAS AS RESPECTIVAS HORAS, DESSA FORMA, A SOMBRA PROJETADA NO MOSTRADOR FUNCIONA COMO UMA ESPÉCIE DE RELÓGIO CONVENCIONAL. ASSIM, A LUZ DO SOL AO VARIAR RESULTA NAS SUCESSÕES DAS HORAS.

EXISTEM RELÓGIOS DE SOL COM FUNCIONAMENTO MAIS DIFÍCIL DE COMPREENDER, POIS POSSUEM MOSTRADORES DO TIPO INCLINADO.

A NECESSIDADE DE CONHECER AS HORAS É ALGO ESPECIFICAMENTE SOCIAL, UMA VEZ QUE ANIMAIS E PLANTAS NÃO NECESSITAM DE TAIS INFORMAÇÕES. O INDÍCIO MAIS ANTIGO DA DIVISÃO DO DIA É PROVENIENTE DE UM RELÓGIO DE SOL EGÍPCIO, DATADO DE 1.500 A.C.

OS SERES HUMANOS TÊM UTILIZADO DOS RELÓGIOS PARA MARCAR O TEMPO E ASSIM FACILITAR O AGENDAMENTO DOS COMPROMISSOS E ATIVIDADES, ASSIM COMO ENCONTRO ENTRE PESSOAS, COMO REUNIÕES, FESTAS E OUTROS, DESSE MODO O HOMEM COM SUA CAPACIDADE INTELECTUAL CONSEGUIU DOMINAR TAL RECURSO, MESMO EM TEMPOS REMOTOS. APESAR DE SER UMA TECNOLOGIA ANTIGA, O RELÓGIO DE SOL AINDA É UTILIZADO NOS DIAS DE HOJE EM PRAIAS E ÁREAS ABERTAS.
POR EDUARDO DE FREITAS
GRADUADO EM GEOG
RAFIA
EQUIPE BRASIL ESCOLA
 



·       RELÓGIO DE ÁGUA (CLEPSIDRA)

A CLEPSIDRA OU RELÓGIO DE ÁGUA FOI UM DOS PRIMEIROS SISTEMAS CRIADOS PELO HOMEM PARA MEDIR O TEMPO. CONSISTE EM DOIS RECIPIENTES, COLOCADOS EM NÍVEIS DIFERENTES: UM NA PARTE SUPERIOR CONTENDO O LÍQUIDO, E OUTRO, NA PARTE INFERIOR, COM UMA ESCALA DE NÍVEIS INTERNA, INICIALMENTE VAZIO. ATRAVÉS DE UMA ABERTURA PARCIALMENTE CONTROLADA NO RECIPIENTE SUPERIOR, O LIQUIDO PASSA PARA O INFERIOR, OBSERVANDO-SE O TEMPO DECORRIDO PELA ESCALA.
ESTE TIPO DE INSTRUMENTO EVOLUIU TÉCNICAMENTE DE FORMA A PERMITIR UMA MEDIÇÃO DO TEMPO COM RELATIVA EXATIDÃO.
A CLEPSIDRA MAIS ANTIGA FOI ENCONTRADA EM KARNAK, NO EGITO, DATANDO DO REINADO DE AMENHOTEP III. OUTROS EXEMPLARES FORAM IDENTIFICADOS NA GRÉCIA ANTIGA, (C. 500 A.C.). NA CHINA, O ASTRÔNOMO Y. HANG INVENTOU UMA CLEPSIDRA QUE INDICAVA OS MOVIMENTOS DOS PLANETAS.


·       RELÓGIO DE AREIA (AMPULHETA)

A AMPULHETA
UM DOS DIVERSOS INSTRUMENTOS QUE O HOMEM CONCEBEU PARA MEDIR O TEMPO FOI A AMPULHETA. TAMBÉM CONHECIDO POR RELÓGIO DE AREIA, A SUA INVENÇÃO É ATRIBUÍDA A UM MONGE DE CHARTRES, DE NOME LUITPRAND QUE VIVEU NO SÉCULO VIII. NO ENTANTO AS PRIMEIRAS REFERÊNCIAS DESTE TIPO DE OBJETO APARECEM APENAS NO SÉCULO XIV. È FORMADA POR DOIS CONES OCOS DE VIDRO, UNIDOS PELO GARGALO, DE MODO A DEIXAR PASSAR A AREIA DE UM PARA OUTRO NUM DETERMINADO INTERVALO DE TEMPO, ATRAVÉS DE UM ORIFÍCIO. PARA PROTEGER O CONJUNTO ERA USADA UMA ARMAÇÃO DE MADEIRA OU LATÃO. MAIS TARDE AS AMPULHETAS FORAM FEITAS DE UMA SÓ PEÇA DE VIDRO COM UM ORIFÍCIO PARA PASSAGEM DA AREIA.


·       RELÓGIO MECÂNICO

DURANTE MUITOS E MUITOS ANOS O HOMEM UTILIZOU-SE COMO PRINCIPAIS MEDIDORES DE TEMPO OS RELÓGIOS DE SOL, CLEPSIDRA, AMPULHETA E RELÓGIOS DE FOGO. SOMENTE PELO ANO 850 DE NOSSO ERA, FOI CONSTRUÍDO POR PACÍFICO, ARCEBISPO DE VERONA, UM RELÓGIO PURAMENTE MECÂNICO, QUE CONSISTIA DE UM CONJUNTO DE ENGRENAGENS MOVIDO POR PESO. APESAR DA INVENÇÃO DESSE RELÓGIO MECÂNICO, AINDA POR MUITOS E MUITOS ANOS O HOMEM SE SERVIU DOS ANTIGOS RELÓGIOS, OS QUAIS SÓ AOS POUCOS É QUE FORAM CEDENDO TERRENO AOS RELÓGIOS MECÂNICOS.
NESSES PRIMITIVOS RELÓGIOS MECÂNICOS, NÃO SE SABE QUAL FOI O SISTEMA DE ESCAPE USADO.
SOBRE A PRIORIDADE DA CONSTRUÇÃO DO PRIMEIRO RELÓGIO MECÂNICO, HÁ ALGUMAS CONTROVÉRSIAS ENTRE OS HISTORIADORES. ALGUNS CONSIDERAM GERBERTO (ANO 990), MONGE FRANCÊS, QUE FOI PAPA SOB O NOME DE SILVESTRE II, O INVENTOR DESSE RELÓGIO.

·       RELÓGIO DE PULSO



O RELÓGIO DE PULSO

O INVENTOR DO RELÓGIO DE PULSO FOI O MESMO DO AVIÃO: O BRASILEIRO SANTOS DUMONT. O “PAI DA AVIAÇÃO” PRETENDIA CRONOMETRAR O TEMPO DE VOO DOS SEUS AVIÕES DURANTE AS EXPERIÊNCIAS.
NAQUELA ÉPOCA, OS RELÓGIOS USAVAM-SE NOS BOLSOS, PRESOS A UMA CORRENTE.
COMO SANTOS DUMONT NÃO PODIA TIRAR AS MÃOS DOS COMANDOS PARA VER AS HORAS, ENCOMENDOU AO JOALHEIRO CARTIER UM MODELO QUE FICASSE FIXO NO BRAÇO E FACILITASSE O CONTROLO DAS HORAS.
EM 1904, LOUIS CARTIER CRIOU, ENTÃO, PARA O SEU AMIGO, O AVIADOR BRASILEIRO, O 1.º RELÓGIO DE PULSO COM PULSEIRA DE COURO.
CONTUDO, SÓ EM 1911 É QUE ESSE RELÓGIO COMEÇOU A SER COMERCIALIZADO.

·       RELÓGIO DIGITAL

O RELÓGIO DIGITAL É UM TIPO DE RELÓGIO QUE UTILIZA MEIOS ELETRÔNICOS PARA CONTROLAR AS HORAS. UTILIZA ENERGIA ELÉTRICA, QUE É NORMALMENTE SUPRIDA POR UMA BATERIA DE PEQUENA CARGA. ELE UTILIZA UM CRISTAL PIEZOELÉTRICO QUE GERA PULSOS ELÉTRICOS A UMA FREQÜÊNCIA CONSTANTE (USUALMENTE 50 OU 60HZ). GERALMENTE, AS HORAS SÃO EXIBIDAS ATRAVÉS DE UM VISOR DE LEDS OU CRISTAL LÍQUIDO.

RELÓGIOS DIGITAIS SÃO PEQUENOS, BARATOS E PRECISOS. POR ISSO, SÃO ASSOCIADOS A PRATICAMENTE TODOS OS APARELHOS ELETRÔNICOS, COMO APARELHOS DE SOM, TELEVISORES, MICROONDAS E TELEMÓVEIS. ENTRETANTO, OS RELÓGIOS DE PULSO ANALÓGICOS SÃO MAIS POPULARES DO QUE OS RELÓGIOS DIGITAIS. UMA VARIAÇÃO BASTANTE COMUM É O RELÓGIO ANALÓGICO A QUARTZ.


ETAPA 3 – COMO VER AS HORAS.
ENSINAR OS ALUNOS A VER AS HORAS NO RELÓGIO DE PONTEIROS E NO RELÓGIO DIGITAL.

O ponteiro menor indica as horas e o maior os minutos.
Usamos a base 60, pois é o menor número divisível por 2, 3, 4, 5 e 6.
Então, cada hora tem 60 minutos e cada minuto 60 segundos!

Cada tracinho corresponde a 5 minutos, multiplicando pelos 12 que aparecem no relógio, temos 60 minutos, ou seja, 1 hora!
Em um dia todo o ponteiro das horas dá 2 voltas completas no relógio!


ETAPA 4 –  PRODUTO FINAL: MUSEU TECNOLÓGICO.

·       EXPOSIÇÃO DE RELÓGIOS ANTIGOS.

·       RELÓGIO DE PONTEIROS, AMPULHETA E RELÓGIO DE SOL PRODUZIDOS COM MATERIAIS RECICLÁVEIS.


Ocorreu um erro neste gadget